História

A GÉNESE DA FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FILATELIA

0 - Projecto de emissão da FPF - 50 Anos - Cópia

A Federação Portuguesa de Filatelia foi fundada a 18 de Junho de 1954.
Os seus fundadores foram o Clube Filatélico de Portugal, o Clube Filatélico da Madeira, o Clube Internacional de Filatelia, o Clube Filatélico de Moçambique e o Núcleo Filatélico de Angra do Heroísmo.
Portugal tinha sido representado durante muitos anos a nível internacional pelo Clube Filatélico de Portugal.
A evolução da filatelia em Portugal recomendava que fosse fundada uma federação nacional a exemplo do que já acontecia com outros países e que se encontravam filiados na Federação Internacional de Filatelia, organismo máximo da filatelia mundial que tinha sido
fundado em 1928.

A Federação Internacional de Filatelia foi fundada no ano de 1928. Tinha como objectivo agrupar todas as Federações Nacionais dos países onde existia já uma filatelia organizada.
Em Portugal, Ilhas Adjacentes e Colónias já existiam alguns clubes filatélicos devidamente estruturados, donde se destacava o Clube Filatélico de Portugal.
Em 1949 o Clube Filatélico de Portugal, então sediado na Avenida Almirante Reis 70-3º andar direito, solicitou à Federação Internacional de Filatelia a sua adesão aquela organização internacional, em representação de Portugal.
Aceite esta filiação, passou o Clube Filatélico de Portugal a representar o nosso país na filatelia internacional, tendo-lhe cabido organizar a grande exposição internacional LISBOA-1953, comemorativa dos 100 anos da emissão do 1º Selo Postal Português.
Igualmente coube ao nosso país a organização do Congresso da Federação Internacional de Filatelia, que se veio a realizar em Portugal nos dias 1, 2 e 3 de Outubro de 1953.
Neste Congresso participaram 14 Federações Nacionais e fizeram-se representar 4 países.
Durante este Congresso foi abordada a necessidade de em Portugal ser constituída uma Federação Nacional, tendo o Presidente FIP de então Émile Friederich expressado aos dirigentes portugueses a sua vontade para que tal acontecesse.
Nessa altura os dirigentes portugueses assumiram o compromisso da constituição de uma Federação Nacional que agrupasse os clubes portugueses e representasse Portugal no seio da Federação Internacional de Filatelia.
A 18 de Junho de 1954 nascia a Federação Portuguesa de Filatelia, que desde essa data consolidou o seu trabalho e a sua presença a nível nacional e internacional, hoje reconhecida por todos como uma estrutura fundamental na organização filatélica.
O resto da história podem os meus caríssimos leitores ler nas páginas que aqui se reproduzem do Boletim do Clube Filatélico de Portugal.
Neste processo estiveram envolvidos de uma forma geral todos os grandes filatelistas da altura e que confirmei nesta pequena pesquisa que agora fiz.
Inicialmente a Federação Portuguesa de Filatelia viveu em sede emprestada pelo Clube Filatélico de Portugal e recebeu deste muitas ajudas para que pudesse iniciar a sua actividade.
Hoje a nossa Federação tem sede própria, uma estrutura completamente independente e é uma das melhores organizações filatélicas em todo o mundo.
Todos estes anos passados são na realidade muito tempo.
Que nos próximos anos os filatelistas portugueses saibam conduzir a Federação Portuguesa de Filatelia por caminhos de grande prestigio, para que em 2054, aqueles que aqui estiverem, saibam ter orgulho nesta casa e no trabalho que ela terá então desenvolvido, lembrando o passado, com os olhos voltados para mais 50 anos, aí por volta do ano 2104, onde os 150 anos serão ainda uma visão do futuro desta nossa paixão que perdurará, estou certo, para sempre.
Nós já não estaremos nesta parte terrena, mas estou certo que estaremos todos a coleccionar selos noutra parte, algures noutro sítio, quiçá noutra galáxia, onde outra Federação Portuguesa de Filatelia foi certamente fundada.

PEDRO VAZ PEREIRA

1 - Autorização Governo Civil
2 - Autorização Governo Civil

Autorização do Governo Civil para a Federação Portuguesa de Filatelia realizar no dia 21 de Abril de 1954 uma Assembleia Geral.
Os tempos eram bem diferentes. Era necessário pedir uma autorização ao Governo Civil para a realização de assembleias e esta solicitada pela FPF teria que começar às 21h 30m e terminar às 0 horas.

O Boletim do Clube Filatélico de Portugal anunciava em 1953 os motivos que levavam à necessidade da formação da Federação Portuguesa de Filatelia.

4 - FEDERAÇÃO PORT. Filatelia 42-43 1954
O Boletim do Clube Filatélico de Portugal relata em 1954 os procedimentos que levaram à formação da Federação Portuguesa de Filatelia.

5 - Noticia Constituição FPF
O mesmo Boletim anuncia em 1954 a constituição da Federação Portuguesa de Filatelia e os seus primeiros Corpos Sociais.

6 - Direcção do CFP 1953
A Direcção do Clube Filatélico de Portugal em 1953 e que teve a seu cargo a constituição da Federação Portuguesa de Filatelia. Da esquerda para a direita – de pé : José Maria Martins Soares, Manuel Maria Ferreira, José Manuel Rebelo de Sousa e Jorge Emídio de Oliveira Pereira ; Sentados: Francisco Cardoso Salgado, A. Vasconcelos de Carvalho, Vasco Godefroy de Abreu Lima e José Rodrigo Dias Ferreira.

7 - Capa do Congresso FIP de Lisboa
Capa do livro de deliberações do Congresso da Federação Internacional de Filatelia de 1953 realizado em Lisboa, de 1 a 3 de Outubro.

8 - Paises participantes Congresso 19 - Paises participantes Congresso 2
Países participantes no Congresso da Federação Internacional de Filatelia de 1953 e que decorreu em Lisboa.

10 - 1º Carimbo
Carta da Federação Portuguesa de Filatelia datada de 25 de Junho de 1954, escassos 7 dias após a sua fundação e ainda com um timbre provisório (EM ORGANIZAÇÃO), solicitando ao Correio-Mór o primeiro carimbo para o 1º Congresso Federativo, que se iria realizar em 1 de Julho de 1954.

11 - CFP Carta histórica
Carta histórica do Clube Filatélico de Portugal, dirigida à “ Federação Portuguesa de Filatelia (em organização)” e datada de 14 de Dezembro de 1953, na qual se especificava a cedência da sala e material para a Federação que se encontrava em formação.
Notável esta carta se pensarmos que só em 1980, 27 anos após a sua fundação, e através da iniciativa do Presidente Federativo Hélder Torres, a Federação Portuguesa de Filatelia teve a capacidade de alugar as suas primeiras instalações e assim tornar-se independente do Clube Filatélico de Portugal.

12 - Timbre CFP13 - Timbre CIF14 - Timbre CFMoçambique15 Timbre CF Madeira18 - Timbre NFAHTimbres dos clubes que fundaram a Federação Portuguesa de Filatelia.

16 Convocat+oria Congresso da FIP
Convocatória da FIP para o seu Congresso em Lisboa em 1953, no qual foi discutida a necessidade de Portugal constituir uma Federação Nacional de Filatelia.

17 Primeiro Timbre da FPF
1º Timbre da FPF

Anúncios